sexta-feira, 16 de fevereiro de 2018

Do amor e do humor

Depois de saber que a (Bis)Avó é, agora, uma estrelinha, diz o Bisneto Mais Novo:

- Ela pode vir ao Planeta Terra, no Natal?

Depois de saber que o seu pai tinha visitado a (Bis)Avó na véspera da sua morte, diz a Bisneta:

- Nunca conheci ninguém que tivesse morrido no dia a seguir.

<3

segunda-feira, 12 de fevereiro de 2018

Agradecimento

Não temos palavras para vos agradecer nem para explicar o quanto nos soube bem ler as vossas mensagens e saber como a Avó era tão querida por todos. Como ela costumava dizer:

- Tanta gente me conhece e eu não conheço ninguém!

Gostaríamos de partilhar convosco que a Avó, depois de ter passado os seus últimos dias a dormir, partiu muito serena, sem dores, como ela sempre desejou. As suas últimas palavras foram aquelas que já aqui partilhámos:

- Pode apagar as luzes de fora que eu apago as de dentro, dos meus olhos.

Estamos tristes pela sua ausência, pela ausência das nossas rotinas conjuntas, do seu bom humor (e do mau também!) e pela ligação única à geração dos avós. 
A par dessa tristeza, sentimos uma grande tranquilidade: não resta em nós qualquer "e se...?", fizemos tudo o que podíamos e estivemos presentes até aos últimos momentos.

Ainda temos muitas memórias para partilhar, por isso iremos continuar por aqui.

sexta-feira, 9 de fevereiro de 2018

O blog está de luto

A Avó faleceu esta noite.

Uns têm filhos, nós te(re)mos avós, para sempre, no nosso coração e na nossa memória.

quinta-feira, 8 de fevereiro de 2018

Notícias da Avó

Depois de, inicialmente, ter mostrado algumas melhorias, a Avó está muito debilitada.
A par dos cuidados médicos, está a receber todo o "amor, carinho e caridade" que sempre pedia, incluindo virtualmente. 

Muito obrigada a todos <3

domingo, 4 de fevereiro de 2018

Recuperação da Avó



    A avó costuma dizer "é a fé que nos salva, não é o pau da barca".
    Para admiração de todos, tem estado a melhorar, sendo mais forte que as suas insuficiências (cardíaca, renal, respiratória).
    Ontem à noite, disse à enfermeira: " pode apagar as luzes de fora que eu apago as de dentro, dos meus olhos"! :) 

    Obrigada a todos pelo apoio.


    (Livro "Estação das chuvas", @agualusa)

terça-feira, 30 de janeiro de 2018

De volta ao hospital

A avó está, novamente, internada. 
Os adormecidos problemas cardíacos e renais resolveram despertar. 
Estamos a viver não um dia, mas uma hora/um minuto de cada vez.

domingo, 21 de janeiro de 2018

Reforço positivo

Como já tínhamos dito aqui, às vezes a Avó não consegue focar-se no relógio e perceber que horas são. Costumamos incentivá-la até conseguir e, quando isso acontece, a Neta Mais Nova costuma bater palmas.

Noutro dia, a Avó estava com a Neta Mais Velha a falar sobre as horas e comenta:

- Falta cá a tua irmã para bater as palmas quando acerto!